JORNAL REALIDADE

Capitão do tri, Carlos Alberto Torres morre aos 72 anos

Lateral-direito levantou a taça do tricampeonato de 1970 pela seleção brasileira
Por: Jéssica Dias 25/10/2016 ás 13:15 - Atualizado em 25/10/2016 ás 13:15
Capitão do tri, Carlos Alberto Torres morre aos 72 anos

O ex-jogador Carlos Alberto Torres, que foi capitão do tricampeonato mundial da seleção brasileira na Copa do Mundo de 1970, morreu nesta terça-feira aos 72 anos de idade, vítima de um infarto fulminante.

Carlos Alberto Torres marcou época no futebol brasileiro não só por sua passagem na seleção, mas também pela carreira trilhada em clubes do país, como Santos, Botafogo e Fluminense. Foi tricampeão carioca pelo time tricolor (1964, 1975 e 1976) e pentacampeão paulista na equipe santista (1965, 1967, 1968, 1968 e 1973).

Na seleção brasileira, Carlos Alberto Torres foi o capitão daquele que é considerado um dos maiores times de todos os tempos. A seleção tricampeã mundial em 1970 contava com o talento de Pelé, Tostão, Rivelino, Gérson, Jairzinho e outros tantos craques sob o comando do técnico Zagallo.

Após pendurar as chuteiras, Carlos Alberto Torres virou técnico de futebol e comandou muitos clubes, sem alcançar o sucesso como atleta. Dirigiu Flamengo, Fluminense, Corinthians, Náutico, Atlético Mineiro - o último clube foi o Paysandu em 2005.

MAIS NOTÍCIAS
VINHA FM NO INSTAGRAM
VINHA FM NO FACEBOOK