JORNAL REALIDADE

Bairros da região Norte recebem trabalhos de prevenção a escorpiões

Vigilância em Zoonoses realizará levantamento de imóveis, atividades educativas e busca ativa com remoção dos animais nos residenciais Orlando de Morais e Antônio Carlos Pires
Por: Isadora Picolo 01/09/2016 ás 12:00 - Atualizado em 01/09/2016 ás 12:49
Bairros da região Norte recebem trabalhos de prevenção a escorpiões

Com o objetivo de controlar a infestação de escorpiões e prevenir acidentes por causa da espécie, a Diretoria de Vigilância em Zoonoses, juntamente com agentes do Distrito Sanitário Norte, vai realizar, a partir de amanhã, 1º de setembro, trabalhos de prevenção nos residenciais Orlando de Morais e Antônio Carlos Pires, na região Norte de Goiânia. Os bairros vêm registrando muitas ocorrências de escorpiões nas últimas semanas.

As ações serão realizadas por etapas. Na primeira, entre dos dias 1º e 03 de setembro, será feito um levantamento dos imóveis com relatos de escorpião. “Os agentes do Distrito Norte irão visitar os imóveis nos bairros, vistoriar e distribuir material educativo aos moradores”, explica Wellington Tristão da Rocha, biólogo e gerente de controle de animais sinantrópicos da Diretoria de Vigilância em Zoonoses. Serão visitados 1.450 imóveis no Residencial Orlando de Morais e 450 imóveis no Residencial Antônio Carlos Pires.

Os resultados deste levantamento vão servir de apoio para que se definam estratégias para a etapa de busca ativa na região, que começa a partir do dia 21 de setembro. “A busca ativa vai ser o trabalho de remoção de entulho e outros habitats do escorpião, para que assim seja diminuída a proliferação do animal”, afirma Wellington. O trabalho será realizado em conjunto com a Companhia de Urbanização de Goiânia (Comurg) e seguirá até atingir por completo os dois bairros.

Praga urbana

Os escorpiões são considerados uma espécie de praga urbana. Eles pertencem à família dos aracnídeos e são peçonhentos. Sua preferência é por locais escuros e sombreados, como entulhos, construções inacabadas, túmulos e a rede de esgoto. Em caso de acidentes, a vítima não pode ser automedicada e deve ser levada imediatamente para uma unidade de saúde, pois o veneno pode ser letal. A espécie mais comum em Goiânia é o escorpião amarelo.

Dentro de casa, a melhor forma de controle dos escorpiões é evitar sua principal fonte de alimentação, as baratas. 'Não acumular entulhos, lixos esparramados pelas ruas, quintais, terrenos baldios, não deixar alimentação de animais domésticos de um dia para o outro', exemplifica Wellington. Os residenciais Orlando de Morais e Antônio Carlos Pires, por serem bairros recentes, possuem muitos canteiros de obra e entulhos, e por isso a atenção e o controle desses animais deve ser redobrado.

MAIS NOTÍCIAS
VINHA FM NO INSTAGRAM
VINHA FM NO FACEBOOK